Exposição do Evangelho de João: Os primeiros discípulos de Cristo (Segunda e última parte):

No dia seguinte, estava João outra vez na companhia de dois dos seus discípulos e, vendo Jesus passar, disse: Eis o Cordeiro de Deus! Os dois discípulos, ouvindo-o dizer isto, seguiram Jesus. E Jesus, voltando-se e vendo que o seguiam, disse-lhes: Que buscais? Disseram-lhe: Rabi (que quer dizer Mestre), onde assistes?Respondeu-lhes: Vinde e vede. Foram, pois, e viram onde Jesus estava morando; e ficaram com ele aquele dia, sendo mais ou menos a hora décima. Era André, o irmão de Simão Pedro, um dos dois que tinham ouvido o testemunho de João e seguido Jesus. Ele achou primeiro o seu próprio irmão, Simão, a quem disse: Achamos o Messias (que quer dizer Cristo), e o levou a Jesus. Olhando Jesus para ele, disse: Tu és Simão, o filho de João; tu serás chamado Cefas (que quer dizer Pedro). No dia imediato, resolveu Jesus partir para a Galiléia e encontrou a Filipe, a quem disse: Segue-me. Ora, Filipe era de Betsaida, cidade de André e de Pedro. Filipe encontrou a Natanael e disse-lhe: Achamos aquele de quem Moisés escreveu na lei, e a quem se referiram os profetas: Jesus, o Nazareno, filho de José. Perguntou-lhe Natanael: De Nazaré pode sair alguma coisa boa? Respondeu-lhe Filipe: Vem e vê. Jesus viu Natanael aproximar-se e disse a seu respeito: Eis um verdadeiro israelita, em quem não há dolo! Perguntou-lhe Natanael: Donde me conheces? Respondeu-lhe Jesus: Antes de Filipe te chamar, eu te vi, quando estavas debaixo da figueira. Então, exclamou Natanael: Mestre, tu és o Filho de Deus, tu és o Rei de Israel! Ao que Jesus lhe respondeu: Porque te disse que te vi debaixo da figueira, crês? Pois maiores coisas do que estas verás. E acrescentou: Em verdade, em verdade vos digo que vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do Homem.” (Jo 1:35-51).

IV – FELIPE E NATANAEL (Jo1:43-51):

Mais dois discípulos são mencionados: Felipe e Natanael. Jesus resolve ir para a Galiléia e possivelmente ao se preparar encontra a Felipe, então ordena-lhe que o siga e este o obedece. Então Felipe encontra a Natanael e fala a ele sobre Jesus, dizendo que Dele se fala na Lei de Moisés e nos profetas. Sobre esta afirmação de Felipe fazemos bem em meditar. Assim destaco dois pontos:
A – Jesus é o centro do Antigo Testamento: Entendemos o o Antigo Testamento apenas se compreendermos isso. Ele está por traz das promessas e tipos, tudo aponta para Ele, e Nele tudo se cumpre.
B – Os modernos pregadores esqueceram disso: Isso é verdade especialmente em relação aos pregadores da prosperidade. Tais homens deturpam o Antigo Testamento e retiram Cristo dele, tudo para defender suas falsas doutrinas. Eles vêem a promessa de prosperidade por todo o texto, mas não dizem nada sobre Cristo, pois se o fizerem terão que abandonar sua falsa doutrina. Ora, é mais difícil deturpar o Novo Testamento, visto que ele fala mais claramente sobre Cristo. Assim eles se esmeram loucamente em deturpar o Antigo e a extrair Cristo dele. Que ousadia têm estes homens e que mal eles tem feito a seus ouvintes. Tome cuidado com eles!
Felipe prossegue afirmando que Jesus é Nazareno. A isso Natanael pergunta se de Nazaré pode sair algo de bom. Por que Natanael falou assim? Bem, talvez ele visse a Nazaré como uma cidade desprezível por algum motivo. Mas quem sabe ele não estivesse dizendo que a respeito de Nazaré não havia nenhuma promessa Messiânica, como sugere Hendriksen em seu comentário ao Evangelho. O fato é que seja de uma forma ou de outra, Natanael demonstrou um preconceito, ou seja, emitiu uma opinião sem analisar os fatos com profundidade. Isso não é comum aos homens? Sim! Isso acontece hoje? Sim! Quantas vezes nós sentimos que as pessoas sequer querem dar uma chance a mensagem do Evangelho. Tais pessoa estão cheias de idéias pré-concebidas. Tudo isso é fruto da cegueira que o pecado produz. Que você leitor possa se prevenir deste mal. Sei que muitas coisas podem impedir os homens de ouvir a mensagem de Cristo. Existem, por exemplo, aqueles que se acham muito sábios para pensar em Cristo, crêem em filosofias humanas e se acham grandes intelectuais. Entendem que é perda de tempo pensar em Cristo, que isso é coisas de pessoas ignorantes. Existem, ainda, aqueles que têm preconceitos religiosos. Estes nasceram, cresceram, e foram ensinados em uma doutrina religiosa que não segue a mensagem do Evangelho genuíno de Cristo. Quando eles ouvem a mensagem de Cristo sentem que é diferente da crença que eles têm acalentado a vida toda. Isso os leva a rejeitar a mensagem imediatamente.
Solenemente a todos estes, ou aos que pensam de forma semelhante, eu dou o mesmo conselho que Felipe deu a Natanael: “Vem, e vê!”. Oh meu amigo, venha e ouça a Cristo, não seja preconceituoso mas venha primeiro ouvir a Palavra de Cristo para então chegar a uma conclusão. Freqüente uma congregação onde a sua Palavra é exposta. Há vários sites de Congregações aqui no Blog. Se você mora perto de alguma delas pode começar a freqüentar. Se não, ao menos visite os sites e ouça as mensagens. Leia a Bíblia, como também, livros e sites na Internet que apresentam Cristo conforme a Escritura. Sugiro os sites que apresentamos aqui no Blog. Enfim, busque, venha, e veja! Procure conhecer quem é Jesus! Não seja tão precipitado para o mal de sua própria alma, mas seja sábio e averigue a verdade dos fatos!
Mas as palavras de Felipe também ensinam aos crentes em Cristo. Estes sinceramente desejam o despertamento de seus próximos assim como Felipe queria despertar a Natanael. Mas aprendamos com ele que não podemos forçar a ninguém, mas apenas aconselhar a que procurem conhecer a Cristo. Como temos aprendido neste estudo, a responsabilidade humana não elimina a soberania divina, e vice versa. Assim é nossa responsabilidade espalhar a mensagem do Evangelho, mas quem chama eficazmente é o Espírito Santo de Deus! Assim anunciemos a Cristo deixando os resultados com Deus, pois somente Ele pode ressuscitar mortos. Ora, quanto a nós, se nem uma formiga podemos ressuscitar, o que dizer dos mortos espirituais. Mas louvado seja Deus, servimos Àquele que aos nos enviar opera para que os que Ele escolheu de fato nos ouçam e creiam. Assim, confiemos em sua Soberania e cumpramos nosso papel: Espalhemos a mensagem do Evangelho de Cristo!
Natanael foi sábio indo até Jesus. Que você também seja! Ao vê-lo Jesus fala dele como alguém sem dolo, ou seja, sem astúcia, sem fraude, sincero. O Senhor conhece os corações dos homens vendo os pecados e o que há de proveito. Saiba que o Senhor conhece seu coração, aliás mais que você próprio o conhece. Natanael se surpreende com as palavras de Jesus perguntando de onde Ele o conhecia. Ora, o Senhor o conhecia como a todos nós. Ele é Deus. Onde podemos nos esconder Dele (Sl 139)? Assim, Jesus diz que o viu antes de ser chamado por Felipe debaixo da Fogueira, em uma referencia possivelmente a um momento de oração de Natanael. Ora, só Deus e Natanael sabiam deste momento de oração. Se Jesus sabia, Natanael concluiu que Ele é o Filho de Deus. Neste momento todo o preconceito de Natanael se esvaiu e Ele confessou sua fé em Jesus. Todos os eleitos de Deus virão, ouvirão e confessarão sua fé em Jesus. Não desanimemos!.
No entanto Jesus diz que Natanael virá coisas maiores que estas: Os Céus abertos e os anjos subindo e descendo sobre Ele mesmo, o Filho do homem. Possivelmente esta é uma referência a Gênesis 28, quando Jacó em sonho vê uma escada e os anjos subindo e descendo sobre ela. Assim Jesus é esta escada que liga seu povo a Deus. Jesus está dizendo que Natanael e os demais discípulos compreenderão isso pela fé. Esta é a gloriosa realidade do Evangelho que todo o crente vê pela fé: Em Cristo, Deus está com os homens. Que você possa crer!

V – CONCLUSÃO:

Deus é Soberano na salvação de seu povo. No entanto isso coexiste com a responsabilidade humana. Todos os seres humanos são exortados a buscarem conhecer e crer em Jesus, e a todo crente cabe anunciar ao Salvador. Que todos que lêem este texto creiam Nele, e que os crentes o anunciem com ousadia, sabendo porém que a obra de Salvação é Dele para sua glória!

Pode ser copiado e distribuído livremente, desde que indicada a fonte, e o conteúdo não seja modificado!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exposição de João 10:1-18 - Jesus é o Bom Pastor (Texto e áudio) - Manoel Coelho Jr.

Meditações em Gênesis 22: A prova suprema da Fé de Abraão* - Manoel Coelho Jr.

Exposição de Gênesis 11: O projeto fracassado e o projeto vitorioso!