Estudo 10 - O Evangelho - A motivação para a Salvação dos homens (Áudio, vídeo e texto)* - Manoel Coelho Jr.



 Baixe o Mp3 clicando aqui.

 Acesse o vídeo clicando aqui.

Acesse os estudos já publicados sobre o tema clicando aqui.

Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança.Tg 1: 17.

Temos visto no estudo passado que os homens merecem apenas a condenação e não o favor de Deus. Mas também já mostramos que há a Salvação em Cristo e apenas em Cristo. Daí devemos pensar, para nossa melhor compreensão, sobre o que motivou tal Salvação da parte de Deus, ou enfim, o que levou Deus a salvar seu povo. Será que foi algo no próprio povo ou será que foi algo alheio a ele? Teria Deus visto alguma coisa nos homens que o predispôs a salvar? Vejamos.

1 – Não há mérito nos homens que motive Deus a salvá-los.

todos pecaram e carecem da glória de Deus,” Rm 3: 23.

Todos os homens pecaram, e nenhum deles vive para a Glória de Deus. Como vimos no estudo passado, por natureza cada homem odeia a Deus, a Verdade, e a Santidade. Creio que deixei claro que isso os leva a não merecerem nenhum bem Dele, mas ao contrário, a merecerem apenas a condenação. Não podemos então pensar que algum mérito nos homens levou Deus a decidir salvá-los. Não! Ora, o Deus Único, Santo e Verdadeiro não se agrada de pecadores. Sobre os tais Ele diz: “Manhã após manhã, destruirei todos os ímpios da terra, para limpar a cidade do SENHOR dos que praticam a iniqüidade.” Sl 101: 8. O ímpio desperta em Deus não o favor, mas a Ira, Santa, e Justa. Creio que isso já ficou claro. Portanto não devemos pensar que alguma coisa em nós chame a atenção do Senhor, como uma bela flor chama a atenção dos que passam por ela. Não meus amigos, devido a nossa natureza caída aos olhos de Deus não somos “belas flores”, pois somos pecadores desde o nosso mais profundo ser, desde o nosso coração.

2 – A motivação da Salvação vem de Deus.

  “Ao SENHOR pertence a salvação!” Jn 2: 9.

Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.” Gn 3: 15.

Se não há nada no homem que motive Deus a salvá-lo temos apenas duas opções, isto é, ou ninguém será salvo, ou a origem de nossa Salvação vem de outro Ser. Bem meus amigos, a Bíblia toda é um forte clamor sobre a motivação da Salvação. Toda a Bíblia clama que a Salvação vem do Senhor. E foi logo após o pecado que Deus anunciou a Vitória de Cristo sobre o maligno para Salvar o seu povo. À Ele a Glória! A motivação não está em nós em nenhum grau, mas totalmente Nele, absolutamente Nele. Vejamos em melhores detalhes nos pontos seguintes.

3 – A motivação vem da Liberdade de Deus.

No princípio, criou Deus os céus e a terra.” Gn 1:1.

Justo é o SENHOR em todos os seus caminhos, benigno em todas as suas obras.” Sl 145: 17.

Ai daquele que contende com o seu Criador! E não passa de um caco de barro entre outros cacos. Acaso, dirá o barro ao que lhe dá forma: Que fazes? Ou: A tua obra não tem alça.” Is 45: 9.

Todos os moradores da terra são por ele reputados em nada; e, segundo a sua vontade, ele opera com o exército do céu e os moradores da terra; não há quem lhe possa deter a mão, nem lhe dizer: Que fazes?” Dn 4: 35.

O Senhor é o Único Deus, Criador, Justo, e Bom. Ele é a Origem e Manutenção de toda a Criação, e também é o Padrão de Justiça e Bondade. Portanto, nenhuma ação de Deus pode ser questionada por suas criaturas, ou em outras palavras, o Senhor não age baseado e determinações de suas criaturas. Não! A Bíblia mostra que Deus é absolutamente livre, no sentido que sempre age de acordo com sua própria Vontade, que nunca deixa de ser boa perfeita e agradável. Sim a “a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Rm 12: 2. Deus é livre, não deve nada a um “padrão” acima Dele porque Ele mesmo é o Padrão. Por isso que a Salvação tem que ter sido motivada Nele, nesta liberdade que lhe é intrínseca. Deus não depende de nós em nada, nem mesmo quanto a motivação para salvar. Deus livremente salva porque livremente quer salvar e ponto final.

4 – A motivação vem da Soberania de Deus. 

Tu, Soberano Senhor, que fizeste o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há;” At 4: 24.

Deus de fato é Deus. Isso significa que Ele é Soberano sobre toda a criação. Ele decidiu criar e Ele comanda a criação. Ele é o Senhor. Ele comanda tudo, desde as coisas mais importantes até as menores, ou insignificantes. Lembre que “Todos os moradores da terra são por ele reputados em nada; e, segundo a sua vontade, ele opera com o exército do céu e os moradores da terra; não há quem lhe possa deter a mão, nem lhe dizer: Que fazes?” Dn 4: 35. Portanto a motivação da salvação esta nesta Soberania. Aliás, isto é consequência do ponto anterior. Deus é Soberano porque Ele é Deus Livre. Deus depende apenas de si mesmo e sua Vontade é absoluta. Assim ele quis nos salvar. À Ele seja a glória!

5 – A motivação vem do amor de Deus. 

Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Jo 3: 16.

De longe se me deixou ver o SENHOR, dizendo: Com amor eterno eu te amei; por isso, com benignidade te atraí. Jr 31 :3.

Aquele que não ama não conhece a Deus, pois Deus é amor.” I Jo 4: 8.

E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele.” I Jo 4: 16.

Eis farei que alguns dos que são da sinagoga de Satanás, desses que a si mesmos se declaram judeus e não são, mas mentem, eis que os farei vir e prostrar-se aos teus pés e conhecer que eu te amei.” Ap 3: 9.

Eis aí a fonte de tudo: O amor de Deus. Deus amou seu povo e por isso decidiu salvá-lo. Isto foi o que motivou a Deus para salvar efetivamente a seu Povo. Mas daí vem imediatamente a pergunta: O que motivou este amor? Resposta: Nada no próprio homem. Ora, o homem é pecador. Mas então o que motivou? Só podemos dar uma resposta: Deus quis amar. Deus livremente nos amou, soberanamente nos amou. Este é o amor livre e Soberano de Deus. “Com amor eterno eu te amei; por isso, com benignidade te atraí. Jr 31 :3. Amém!

Bem meu leitor, a única motivação de Deus em salvar você está Nele, em seu Amor Livre e Soberano. Assim eu lhe incentivo a ir a Ele em oração e por meio de Cristo, não apresentando nenhum mérito seu, mas tão somente suplicando-lhe sua Graça e Misericórdia em Cristo Jesus, pois Nele: Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Jo 3: 16. Confie em Cristo, e se de fato assim o fizer significará que Deus lhe amou Nele. Que assim seja com você! Amém!
   
Pode ser copiado e distribuído livremente, desde que indicada a fonte, a autoria, e o conteúdo não seja modificado!


*Estudo da noite de quarta, dia 12 de março de 2014, na Congregação Batista Reformada em Belém.

Para os livros do blog clique aqui.

Leitura recomendada:



O Evangelho Segundo os Apóstolos - John MacArthur.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exposição de João 10:1-18 - Jesus é o Bom Pastor (Texto e áudio) - Manoel Coelho Jr.

Meditações em Gênesis 22: A prova suprema da Fé de Abraão* - Manoel Coelho Jr.

Exposição de Gênesis 11: O projeto fracassado e o projeto vitorioso!