Reflexões sobre o sofrimento - Parte IV* - Manoel Coelho Jr.

 Como agir diante das angústias do coração?

1 – Apenas em Deus há Salvação.

Somente Deus poderia nos libertar da “amizade” com o maligno, que é a queda no pecado, que foi o que trouxe todo o sofrimento para a humanidade. Deus opera esta libertação no “descendente” que é Cristo produzindo na vida de seus redimidos uma inimizade com o diabo e o pecado, e pacificando-os consigo mesmo.  

Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar”.

Gênesis 3:15.

Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo; por intermédio de quem obtivemos igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus.

Romanos 5:1,2.

2 – O Sofrimento e o Bem Maior (Um complemento ao estudo anterior).

Deus opera por um mal menor para nos livrar do mal maior, que é o pecado. Deus opera por um mal menor para promover o Bem Supremo, que é Ele próprio sendo Nosso Deus em Cristo.

Nenhum mal te sucederá, praga nenhuma chegará à tua tenda.

Salmo 91: 10.

 “Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito. O caminho dos perversos é como a escuridão; nem sabem eles em que tropeçam.

Provérbios 4: 18,19.

se buscares a sabedoria como a prata e como a tesouros escondidos a procurares, então, entenderás o temor do SENHOR e acharás o conhecimento de Deus. Porque o SENHOR dá a sabedoria, e da sua boca vem a inteligência e o entendimento. Ele reserva a verdadeira sabedoria para os retos; é escudo para os que caminham na sinceridade, guarda as veredas do juízo e conserva o caminho dos seus santos. Então, entenderás justiça, juízo e eqüidade, todas as boas veredas.Porquanto a sabedoria entrará no teu coração, e o conhecimento será agradável à tua alma. O bom siso te guardará, e a inteligência te conservará; para te livrar do caminho do mal e do homem que diz coisas perversas;

Provérbios 2: 4-12.

Assim, andarás pelo caminho dos homens de bem e guardarás as veredas dos justos. Porque os retos habitarão a terra, e os íntegros permanecerão nela. Mas os perversos serão eliminados da terra, e os aleivosos serão dela desarraigados.

Provérbios 2: 20-22.

3 – Afastando-se do pecado, a origem mais básica da angústia no coração.

O pecado é a fonte de todo o mal. Dessa forma também é a causa mais básica das angústias do coração. Portanto não devemos dar tréguas a nenhum pecado conhecido, mas lutar contra ele e abandoná-lo pela graça de Deus em Cristo. Não haverá paz enquanto não se abandonar o pecado. Todo o prazer que o pecado causa é falso e gera destruição. Nele não há paz.

porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.

Romanos 6: 23.

4 – Conhecendo cada vez mais de Deus em Cristo, a fonte da Paz no coração.

Deus é o Bem maior e fonte de toda a Paz. Então devemos nos firmar na promessa da Justificação e perdão que ele confere em Cristo e conhece-lo mais e mais também em Cristo.

Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo; por intermédio de quem obtivemos igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes; e gloriamo-nos na esperança da glória de Deus.

Romanos 5:1,2.

Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.

I Jo 1:9.

Despojando-vos, portanto, de toda maldade e dolo, de hipocrisias e invejas e de toda sorte de maledicências, desejai ardentemente, como crianças recém-nascidas, o genuíno leite espiritual, para que, por ele, vos seja dado crescimento para salvação, se é que já tendes a experiência de que o Senhor é bondoso. Chegando-vos para ele, a pedra que vive, rejeitada, sim, pelos homens, mas para com Deus eleita e preciosa,... Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós, sim, que, antes, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus, que não tínheis alcançado misericórdia, mas, agora, alcançastes misericórdia.

I Pe 2; 1,- 4, 9,10.

5 – Tratando das angústias de origem externa.

Precisamos olhar para promessa de Deus em Cristo e nele confiar. Precisamos crer que Cristo já preparou para nós um lugar no seu Reino Vindouro e que em breve Ele voltará para que estejamos sempre com Ele. Assim todo sofrimento presente é passageiro, mas nós estamos indo para a Glória Eterna. Se assim crermos nosso coração será preservado da angústia por fatores externos e mais e mais a paz de Cristo nos invadirá.

Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fora, eu vo-lo teria dito. Pois vou preparar-vos lugar. E, quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também.

João 14: 1-3. 





*Pregação da noite de 21 de Dezembro de 2014, na Congregação Batista Reformada em Belém.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exposição de João 10:1-18 - Jesus é o Bom Pastor (Texto e áudio) - Manoel Coelho Jr.

Meditações em Gênesis 22: A prova suprema da Fé de Abraão* - Manoel Coelho Jr.

Estudo em Gênesis 3 (Primeira parte)