Amo-te Senhor, por Manoel Coelho Jr.


Amo-te Senhor, pois primeiro me amaste.

Amor Eterno, amor sem início nem fim.

Amor fora do tempo, amor que não se desgasta.

Amor inalterável, não diminui nem se enfraquece.

Amo-te Senhor, pois me amaste sem que eu mereça.

Oh pecador que sou, eu não te amava.

Conspirei contra ti, te odiei e desejei tua inexistência.

Odiei o que me amou, odiei o meu Criador, Mantenedor, Salvador.

Oh Senhor, não mereço teu amor, mas tua Ira Justa. 

Sou por natureza filho de Adão, o traidor.

Herdei seu pecado e natureza má.

Logo eu, um pecador de lábios impuros.

Pecador entre um povo de impuros lábios

Mas ainda assim me amaste.

Amor Gracioso, amor incondicional.

Amor Soberano, amor livre.

Amo-te Pai, pois me amaste no Filho.

Amaste-me de tal maneira que deste Teu Filho Unigênito.

Amaste-me na Eternidade.

Amor incompreensível, amor Inexplicável.

Amor Eletivo, amor independente.

Amor do Pai, amor familiar.

Amo-te Filho, pois estiveste entre nós.

Viveste e morreste por nós, teus amados.

Cristo, Deus-Homem, o Salvador.

Oraste por mim, morreste por mim.

Amor Sacrificial, amor altruísta.

Amor do Filho, amor do primogênito.

Amo-te Espírito, pois me és amigo presente.

Tiraste-me da escuridão, revelaste-me o Pai no Filho.

Comigo estás, meu Auxiliador.

Amor Atuante, amor iluminador.

Amor que derrete o ódio natural, amor que gera amor.

Amo-te Deus Triúno, pois me amaste primeiro.

Amor Eterno, amor sem início nem fim.

Amor fora do tempo, amor que não se desgasta.

Amor inalterável, não diminui nem se enfraquece.

Amo-te Senhor, pois me amaste e me atraíste a ti.

Que Glória , que Graça, que Misericórdia, que Amor.

Que Santidade, que Justiça, que Sabedoria.

Eis Deus, Eis o Senhor, Eis a Glória.

Apenas Ele podia amar assim.

Oh que miséria, que condenação, que ódio, que pecado.

Eis o Eu, eis o que sou.

Que pecaminosidade, que injustiça, que loucura.

Eis o que sou.

Mas Ele me amou, Ele me amou, Ele me amou.

Apenas Ele podia amar assim.

Apenas o Deus que é Amor poderia vencer meu ódio pecaminoso.

Ele me amou, Ele me amou, Ele me amou.

Apenas Ele podia amar assim.

Oh o que te direi Senhor? O que te pedirei?

Mostra-me mais deste Amor.

Derrete mais meu ódio natural.

Senhor, já te amo, mas peço-te:

Faz que te ame mais mostrando-me ainda mais de teu Amor.

 Oh meu Deus, Oh minha Preciosidade, Oh Meu Senhor, Oh meu Bem Maior.

Amo-te Senhor e quero te amar ainda mais.

Quero estar contigo para Sempre, pois

Amo-te Senhor!



*Pode ser copiado, distribuído, e traduzido livremente para outro idioma, desde que indicada a fonte, a autoria, e o conteúdo não seja modificado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exposição de João 10:1-18 - Jesus é o Bom Pastor (Texto e áudio) - Manoel Coelho Jr.

Meditações em Gênesis 22: A prova suprema da Fé de Abraão* - Manoel Coelho Jr.

Estudo em Gênesis 3 (Primeira parte)