A natureza humana rejeita a Verdade – Aplicações - Segunda Parte .


Aplicação V: Dizer que é de Deus nada vale, a não ser que se ame a Cristo (Jo 8:41,42)!

Observemos a certeza com que estes opositores de Cristo falam sobre Deus como Pai. Querem dizer que não são como alguém cuja mãe é promiscua, e que, portanto, não pode ter certeza sobre quem seja seu pai. Este não é o ceso deles, segundo pensam. Deus com certeza é o Pai deles. Esta certeza vem do fato de serem descendentes de Abraão. Porém, Cristo mostra que a certeza que tinham não passava de um auto-engano, pois se Deus fosse realmente o Pai deles, então, o amariam, visto que fora enviado por Ele.


Fica claro que estes homens não conheciam a Deus, e tão pouco eram seus filhos, pois negavam o Revelador de Deus aos homens: Cristo. O que eles chamavam de “Deus” na verdade era um “deus” criado por suas imaginações vãs. A muito eles haviam abandonado a revelação de Deus no Antigo Testamento, e quando Cristo, o Revelador de Deus, se manifestou, eles não o reconheceram como o tal. Assim estavam confiantes que conheciam e serviam a Deus, e que eram seus filhos, mas de fato nem o conheciam, nem eram seus filhos. Realmente encontraremos poucas pessoas que negam a existência de Deus no mundo em geral, e na classe religiosa encontraremos muitos que dizem que o conhecem, e que até são seus filhos, e assim afirmam com uma certeza semelhante da destes opositores de Cristo. Mas o que os homens chamam de “Deus” na verdade não é Deus, mas um “deus” que eles criaram, pois tem rejeitado a Revelação Geral (Rm 1:18-32), e a Revelação de Deus em seu Filho Jesus Cristo.

O fator que Cristo coloca como determinante de alguém ser Filho de Deus é: Amor ao próprio Cristo, pois foi enviado pelo Pai. Notamos que muitos que dizem conhecer, respeitar e temer a Deus, muitos que dizem serem filhos de Deus, rejeitam completamente a Cristo, ou criam um “falso Cristo”, o que da no mesmo. Meu leitor, não adianta você dizer que acredita em Deus, ou que Deus é tudo para você, ou que você pertence a uma religião, ou que é filho de Deus. A questão é: Você ama a Jesus, o Jesus da Bíblia? Você o ama, confia Nele, é seu discípulo (Jo 14:20-24)? Se você não ama a Cristo, não se iluda: Você não conhece a Deus! Avalie-se hoje!

Aplicação VI: Os Homens não amam a Verdade porque amam a mentira. Isso é um problema de natureza. Assim, a regeneração é essencial (Jo 6:41-46; e 8:43-47)!

Por este texto que temos estudado, e pelo ensino geral deste Evangelho e de toda a Bíblia, percebemos que o problema do homem é íntimo, é um problema de natureza. Os homens amam a mentira. São como satanás. Jesus não diz que eles o rejeitam apesar de dizer a Verdade, mas porque diz a Verdade. Eles não querem nada com a Verdade, mas somente com a mentira. Jesus diz que eles são incapazes de ouvi-lo. Isto é algo aterrador. Os homens querem a mentira! Por isso a regeneração é essencial. Por isso é que só crerão se o Pai os trouxer! Assim quero salientar duas aplicações subsidiárias em forma de perguntas:

A – Há sinais da graça de Deus em sua vida? Avalie-se, prezado leitor. Infelizmente são muitos os que se conformam com um cristianismo relaxado quanto a Verdade na doutrina e na prática. Dizem que são cristãos. Mas onde está a Verdade manifesta em uma fé que gera obras? Você está do lado da Verdade ou da mentira? Você já foi regenerado e ama a Verdade, ou ainda está com a antiga natureza que odeia a Verdade e ama a mentira? Avalie-se e clame a Deus por graça. Não se conforme com um falso cristianismo que é contra Cristo, contra a Verdade. Saiba que tal cristianismo só o levará ao auto-engano e a condenação. Livre-se dele já, e creia de uma vez em Cristo Jesus!

B- Seu evangelismo descansa no poder de Deus, ou em técnicas humanas? As igrejas de hoje em grande parte não confiam de fato em Deus, mas em sua s técnicas de atração de membros. Não entendem que os homens estão mortos e que só Deus pode ressuscitá-los. Parecem acreditar que os homens apenas estão dormindo, mas que podem acordá-los com um toque de seus “métodos milagrosos”. Por isso vemos um rebaixamento nos padrões de pregação, doutrinas ante-bíblicas, cultos shows, danças, coreografias, células, e todo o tipo de inovações e aberrações doutrinárias, litúrgicas e eclesiásticas, que a Bíblia mostra e a experiência confirma que apenas mudam a casca, mas mantêm os homens como “filhos do diabo” em seus corações. Isto tem produzido o “evangelicalismo contemporâneo” que é um falso “evangelicalismo”, visto que abandonou a Bíblia e se corrompeu em mundanismo, pragmatismo, misticismo, superstições, paganismo, e coisas abomináveis. Devemos rejeitar isto de forma enfática, e voltar à antiga pregação das doutrinas de Cristo, confiando tão somente no Poder de Deus para atrair os que Ele quer para a Verdade em seu amado Filho. Assim é que se formam verdadeiras igrejas, igrejas de homens e mulheres regenerados, genuínos filhos de Deus, que não precisam de técnicas humanas para buscarem a Deus, pois o amam, e querem a Verdade, querem a Cristo.

Aplicação VII: A arma assassina do diabo é a mentira (Jo 8:44, e Gn 2 e 3, Mt 4:1-11)!

Jesus mostra que o diabo é assassino e que sua arma é a mentira. Lembremos quem na conversa entre Eva e a serpente estava em questão a vida e a morte. O diabo fez com que Eva duvidasse da Palavra de Deus, que é a Palavra da Verdade. Foi usada a seguinte artimanha: Em contraposição a “Palavra da Verdade”, o diabo apresentou a “palavra da mentira”, mas o fez de forma a parecer que a “Palavra da Verdade” fosse a “palavra da mentira”, e a “palavra da mentira” fosse a “Palavra da Verdade”. Em tudo isso seu objetivo era matar Adão e Eva e toda a raça humana.

Cristo mostrou que ele assim permanece, pois fala a mentira, ainda. Nele não há a verdade. Vemos que o fato se confirma na própria tentação de Cristo em Mt 4:1-11, onde ele apresenta a “mentira” como se fosse “verdade”, e nisso usa até a Palavra de Deus torcendo-a, claro. Mas qual a arma que Cristo usa para se defender da mentira maligna? Ora, a Verdade que está na Palavra, na Escritura. Você percebe como Ele sempre diz: “está escrito”? Assim, afirmamos que a Verdade neutraliza a mentira maligna, a Verdade de fato liberta (Jo 8:32)! Paulo também, em seu famoso texto sobre a “Armadura de Deus” em Ef 6:10-20, apresenta a Palavra de Deus, a Verdade, como uma parte essencial na luta contra as forças do maligno.

Amado cristão, nossa arma é a Verdade, a Palavra de Deus, a Espada do Espírito. Que você a use lendo-a, meditando nela, ouvindo-a na pregação, e pondo-a em prática. Dessa forma você neutralizará todas as tentativas do maligno em enganá-lo. E você que ainda não é um cristão, um crente genuíno em Cristo. Devo alertá-lo que a sua situação é perigosíssima. Se você está fora de Cristo, então está debaixo das mentiras do diabo. O maligno o está enganando, dizendo que as mentiras dele são verdade e com isto ele quer matá-lo. Ele lhe odeia e quer sua condenação no inferno, e suas mentiras o conduzirão para lá. Permita-me aconselhá-lo como um amigo: Ouça Cristo já! Oh meu leitor, ouça a Verdade e deixe as mentiras do maligno. Apenas a Verdade de Cristo pode lhe libertar. Assim, procure imediatamente ouvir a pregação do Genuíno Evangelho e leia e medite em sua Bíblia, e ore a Deus pedindo-lhe graça. Por favor, e por amor a sua alma, não confie em seu coração enganoso, nem nas mentiras do diabo, mas escute a Deus nas Escrituras. Creia em Cristo, Ele é a Verdade!

Continua...

Pode ser copiado e distribuído livremente, desde que indicada a fonte, a autoria, e o conteúdo não seja modificado! 

Adquira a primeira parte da versão impressa destas exposições, ou outras obras nossas, clicando aqui. 

Leitura recomendada para o aprofundamento no assunto:  

As Raízes de Uma Fé Autêntica

As Raízes de Uma Fé <br />

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exposição de João 10:1-18 - Jesus é o Bom Pastor (Texto e áudio) - Manoel Coelho Jr.

Meditações em Gênesis 22: A prova suprema da Fé de Abraão* - Manoel Coelho Jr.

Exposição de Gênesis 11: O projeto fracassado e o projeto vitorioso!